domingo, 21 de junho de 2009

Parece Ladrão


Era uma vez um homem que tinha perdido dinheiro, e julgou que o filho do vizinho lhe furtara. Olhou para ele, e pareceu-lhe que o seu andar era de ladrão, a sua expressão era de ladrão e todos os seus gestos e movimentos eram como os de um ladrão. Logo depois achou o dinheiro num tubo de bambu para drenagem. Olhou novamente para o filho do vizinho, e nem os seus movimentos nem os seus gestos eram de um ladrão.

6 comentários:

  1. Estive lendo um pouco em seu blog!! Abraços Ademar!!

    ResponderEliminar
  2. Tudo, tudo criamos, tudo,absolutamente tudo, a realidade externa as vezes sombras do que somos e poucas vezes brilho, até quando????

    ResponderEliminar
  3. ás vezes as nossas ideias preconcebidas nos fazem cair em erro, julgamos os outros pelas nossas ideias, pelas aparências, pelos nossos juízos, e muitas vezes nos enganamos, Abraços a todos, emuito agradecido pela visita.

    ResponderEliminar
  4. Às vezes nem sempre o que nos parece é, e outras vezes temos as coisas em frente dos olhos e nem a vemos. São situações da vida.
    Obrigado por ter-se adicionado ao meu blog parece mais um "livrinho de apontamentos" como me referiu uma brasileira amiga.

    ResponderEliminar
  5. Continuando...

    Há um ditado...Vale mais sê-lo do que parecê-lo
    Mer

    ResponderEliminar

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails